Close

O que é Consultoria em Marketing e como isso pode me ajudar?

Se você é dono ou gestor de um negócio, certamente já buscou meios de como melhorar os resultados de sua empresa, ainda que já tenha um departamento específico para o marketing. É neste ponto que se deve considerar a contratação de uma consultoria em marketing. Muitas vezes o olhar de quem está de fora, com conhecimentos e experiências diversos, pode trazer uma nova perspectiva para seu empreendimento e, com isso, te ajudar a alcançar o resultado desejado.

Porém, contratar uma consultoria em marketing pode parecer uma alternativa assustadora para alguns gestores. Alguns deles querem distância do assunto, seja por experiências malsucedidas no passado ou por desconhecimento de como realmente funciona a prestação desse serviço. Outros logo imaginam pessoas estranhas ao dia a dia da sua empresa que, além de cobrarem caro pelos serviços prestados, circularão pela companhia, investigando as práticas de gerenciamento e recomendando iniciativas inviáveis.

Se você faz parte desse grupo ou trabalha em uma empresa na qual a liderança reage dessa forma, leia e compartilhe este texto, pois ele responderá para que serve e como funciona uma consultoria em marketing.
Ainda antes de entrarmos no assunto específico, explicando o que é e como funciona a consultoria em marketing, vamos definir a base: o que é marketing?

Afinal, o que é marketing?

Marketing vem da palavra em inglês market, que significa mercado. Portanto é correto afirmar que Marketing é um estudo do mercado, para melhor aproveitamento dele nas estratégias comerciais de uma empresa.

Mas essa explicação é muito básica. Marketing é a inteligência necessária para que uma empresa defina quais produtos ou serviços podem cativar um público-alvo.

Para entender mais a fundo o que é marketing, vamos recorrer a alguns nomes e instituições representativos da área.

A American Marketing Association (AMA), que representa os profissionais de marketing nos Estados Unidos, traz a seguinte definição:

“Marketing é a atividade, o conjunto de instituições e os processos para criar, comunicar, entregar e trocar ofertas que tenham valor para consumidores, clientes, parceiros e sociedade em geral”.

Essa definição mostra a abrangência da concepção de marketing. Perceba também que o foco dessa atividade não é vender produtos para clientes, como muitos poderiam pensar.

O marketing trabalha com a geração de valor, e isso deve acontecer na percepção dos diferentes públicos sobre o custo-benefício que a empresa entrega.

Já o The Chartered Institute of Marketing, que representa a área no Reino Unido, define marketing como:

“O processo de gerenciamento responsável por identificar, antecipar e satisfazer as necessidades do cliente com lucro”.

Aí está uma importante contribuição para entender o que é marketing: as necessidades do cliente. Elas são inerentes ao ser humano ― não é o marketing que as cria. Porém, essa atividade deve saber perceber as carências das pessoas e despertar o desejo para supri-las.

Essa definição vai ao encontro do que diz Philip Kotler, no seu livro “Administração de Marketing”. Em poucas palavras, ele define que marketing é “suprir necessidades gerando lucro”.

Essas definições não deixam escapar, também, o objetivo central das empresas: o lucro. Afinal, é isso que garante a sua sobrevivência e competitividade no mercado ― e esse é um dos motivos de existir do marketing.

Ainda de acordo com Kotler, o guru do marketing, em seu livro Marketing de A a Z:

“A função empresarial que identifica necessidades e desejos insatisfeitos, define e mede sua magnitude e seu potencial de rentabilidade, especifica que mercados-alvo serão mais bem atendidos pela empresa, decide sobre produtos, serviços e programas adequados para servir a esses mercados selecionados e convoca a todos na organização para pensar no cliente e atender ao cliente.”

Já no livro Marketing 3.0, que aborda uma temática mais recente, incluindo Marketing Digital, o mesmo autor define como:

Marketing é a ciência e a arte de explorar, criar e entregar valor para satisfazer as necessidades de um mercado-alvo com lucro. Marketing identifica necessidades e desejos não realizados. Ele define, mede e quantifica o tamanho do mercado identificado e o potencial de lucro.

Percebe que o primeiro conceito é prático, funcional, enquanto o segundo traz aspectos de relacionamento, percepção, branding, significação.

Marketing é isso tudo, pois ele busca as melhores estratégias para abordar seu público, portanto, deve considerar aspectos culturais, histórico, comportamento das novas gerações e tendências de consumo.

Mas vale ressaltar que o marketing também pode ser adotado por organizações que não visam ao lucro ― instituições públicas e ONGs, por exemplo. Nesses casos, os objetivos do marketing se voltam para o retorno em outras formas, como engajamento ou fortalecimento da marca.

Como você pode perceber, o próprio Phillip Kotler tem variado a forma de descrever Marketing conforme o passar dos anos, adaptando-o às mudanças de comportamento e necessidades do consumidor.
Agora, já conhecendo e sabendo o que é marketing, vamos entender a consultoria em marketing.

O que é consultoria

Um pouco de história

A palavra consultoria veio do Latim “consulere” (con = junto, sulere = chamar/reunir). Ela também pode ser entendida como Consultare, ou seja, “receber um conselho de”. Esse termo se originou da antiga Grécia, com os sacerdotes dos Oráculos de Delfos. Nessa época, esses sacerdotes eram os consultores da sociedade, pois sempre eram procurados em busca de conhecimento e para solucionar questões incompreendidas.

Durante a crise de 1929 que o termo consultoria voltou a tona. Com a necessidade de reorganização, o mercado precisou buscar profissionais especialistas em solucionar problemas e alavancar resultados! Logo depois houve a expansão no pós guerra (década de 40 e 50 nos EUA e Europa Ocidental) e consequentemente, precisou-se ter foco em soluções práticas embasadas por fundamentos técnicos e científicos.

De forma prática e objetiva, a consultoria nada mais é do que um serviço oferecido por um profissional ou empresa de uma área específica para outro profissional ou empresa. A finalidade da consultoria é levantar as necessidades do cliente, por meio de diagnósticos e processos, identificar soluções e, então, recomendar ações de melhoria.

Por meio de uma visão externa e profissional, o consultor apresenta a possibilidade de buscar o resultado desejado pela empresa, desde que o cliente também trabalhe em conjunto, fornecendo todas as informações necessárias de forma transparente.

A Consultoria em Marketing

A consultoria em marketing funciona como qualquer modelo de consultoria, aconselhando as melhores ações rumo a metas e objetivos. Nesse caso, a contratada faz um diagnóstico completo das ações da sua empresa, analisando os pontos positivos e negativos, as oportunidades e os desperdícios.

O objetivo da consultoria é fornecer ao cliente um melhor desempenho nas estratégias, utilizando ferramentas adequadas para realizar todas as análises apropriadas. Ela faz o necessário para apresentar as estratégias que ligam a empresa ao comportamento do consumidor moderno.

Devemos levar em conta que a maioria das pessoas utiliza a internet como meio principal de informações para guiar as decisões de compra. É por isso que atuar com as estratégias digitais apropriadas se torna essencial para qualquer negócio.

É comum um gestor acreditar que pelo fato de suas vendas estarem boas e as ações de marketing gerarem os resultados desejados, não precisa de uma consultoria. Note que é muito mais difícil alguém de dentro da empresa, que vive o dia a dia, enxergar o próprio erro. Uma falha banal se torna rotineira e invisível no processo, passando a minar parte dos seus ganhos e impedindo-lhe de crescer.

Por isso, o trabalho de uma consultoria de marketing é tão importante. Ela consegue reconhecer os problemas com mais facilidade, a partir de uma análise minuciosa das suas estratégias. Então, aponta o que deve ser melhorado e como contornar os problemas diagnosticados.

Como funciona a consultoria de marketing?

O trabalho de consultoria de marketing pode ser realizado por um único profissional ou em uma equipe especializada, para identificar quais métricas, indicadores e outros pontos podem ser melhorados.

O diagnóstico é feito em etapas que direcionam pontos de avaliação, mas é claro que elas variam de projeto para projeto. Alguns pontos que podemos citar são:

  • Conhecimento dos valores, missão e objetivos, em curto, médio e longo prazo;
  • Mapeamento da presença online da marca;
  • Confirmação dos objetivos pós-análise dos dados e diagnóstico;
  • Indicação do plano estratégico adequado para as melhorias.

Assim, a consultoria de marketing consegue ajudar a elaborar com mais eficiência o plano estratégico. Isso é feito sugerindo melhoras nas ações já existentes e propondo alterações e desenvolvimento de pontos não explorados anteriormente para adequá-los aos propósitos das metas.

A consultoria em marketing se utiliza de ferramentas especializadas em busca dos melhores resultados, estabelecendo parâmetros para realizar um trabalho de qualidade nas ações. As atividades incluem:

  • Diagnóstico de problemas e falhas;
  • Análise do público-alvo;
  • Adaptação das estratégias atuais;
  • Planejamento de campanhas;
  • Monitoramento de resultados;
  • Acompanhamento de tendências;
  • Análise da concorrência;
  • Entre outras.

As ações permitem chegar às soluções ideais para o seu negócio, atendendo ao nicho específico. A partir de cada atividade da consultoria de marketing, é possível personalizar as suas estratégias para alcançar o público-alvo e interagir com ele de maneira mais incisiva e eficaz.

Este post te ajudou?

Conta pra gente se este post foi útil para você e seu negócio. Se ainda tiver dúvidas, fale com a gente 😉

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Abrir chat
Precisa de ajuda?